quinta-feira, 20 de agosto de 2009

Prefeitura de Americana usa inglês em sinalização de trânsito e confunde motoristas


A cidade de Americana (128 km de SP) resolveu ir a fundo às suas origens e quis levar ao pé da letra -literalmente- a tradição dos seus fundadores.

Em alguns cruzamentos, a prefeitura pintou no asfalto uma sinalização de trânsito em inglês e, noutros, coloriu as faixas de pedestres de vermelho e branco, as cores da bandeira dos EUA.

Nas rotatórias da avenida Armando Salles de Oliveira, foi escrita a expressão "stop four", numa tradução vaga de "pare" e "quatro", uma alusão à encruzilhada de quatro esquinas. "Como é um cruzamento, os motoristas ficam confusos e param em todas as quatro esquinas. Não sei de quem é a preferência", diz o projetista Ed Carlos Gati, 30.

"Sei que é em inglês, mas não entendo o que quer dizer", afirma o aposentado Daniel de Luca, 79. Numa das mais de 50 faixas de pedestre com as listras coloridas, o encarregado de expedição Marco Antônio Rosseto fica em dúvida: "Não sei qual o propósito, se é a cor da cidade, se é uma reverência aos EUA, se é para chamar a atenção. Se for, conseguiram".

Mentor da novidade, implantada há 15 dias, o secretário do Transporte e Sistema Viário, Flávio Biondo, diz que nem a faixa de pedestre colorida é uma referência à bandeira dos EUA nem o "stop four" é sinalização de trânsito.

"É a faixa de vida, que tem fundo vermelho para alertar que ali há um índice alto de atropelamentos. E pintamos o girador com o nome de um programa de educação de trânsito da prefeitura [o tal "stop four"] porque os jovens que estão nas estatísticas [de acidentes] têm uma linguagem global da web, do Twitter, do Big Brother. Então colocamos o nome em inglês."

Segundo o prefeito, Diego de Nadai (PSDB), "é para melhorar, não queremos confundir ninguém. Se for atrapalhar, tiramos a sinalização".

"Em primeiro lugar, a sinalização tem de ser em português. Ele está empregando uma sinalização que evidentemente não está de acordo [com a legislação]", diz Ciro Vidal, presidente da Comissão de Trânsito da OAB. Segundo ele, essa sinalização não tem valor e não podem ser aplicadas sanções.

2 comentários:

Rosely disse...

Francamente.. tantas rotatórias, e qualquer cidadão, inclusive até de bicicleta sabe a função de uma rotatoria (sendo desnecessaria qq tipo de identificação)... qtas rotatórias existem com flores no meio, com postes ou gramas (dã!) qual a diferença se está escrito alguma coisa ou não? muda em que? qual a diferença de uma rotatória que tem flores no meio de uma escrito stop four? francamente..muitos desocupados procurando pelo em ovo. Diego está de parabéns por cuidar da cidade.

Ana Paula Candido Panaro. disse...

Concordo com Rosely, que diferença faz?!
Acho que não irá confundir os motoristas de Americana,está tudo muito claro, e mais ainda agora...com o stop four (pare para os quatro).
Realmente, tem gente querendo procurar pelo em ovo, e tem gente vivendo em outra era!!!

Postar um comentário

Ver e Rever Copyright © 2011 | Template created by Ver e Rever | Powered by Blogger