terça-feira, 30 de junho de 2009

Serra fábrica produzirá genéricos em 2010


Uma fábrica de medicamentos genéricos em Américo Brasiliense (283 km de SP) foi inaugurada e deve começar a funcionar em meados de 2010.

Os remédios, voltados à rede de atendimento SUS, serão para o tratamento de diabetes, hipertensão, mal de Parkinson e doenças mentais.
O governo estadual já investiu R$ 190 milhões e deve injetar mais R$ 50 milhões na nova unidade da Furp (Fundação para o Remédio Popular).
Quando estiver em plena atividade, a estimativa é que a fábrica produza por ano 1,2 bilhão de comprimidos por ano.

Até lá, segundo Ricardo Oliva, superintendente da Furp -que tem outra fábrica em Guarulhos-, o Estado testará máquinas e buscará na Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) certificação para a produção de medicamentos.
O governador José Serra (PSDB) esteve na inauguração. Se a solenidade fosse em 2010, Serra poderia ser impedido de participar, uma vez que deve se candidatar à Presidência -a legislação exige a saída do cargo seis meses antes do pleito.
Oliva nega que a inauguração "adiantada" tenha a ver com campanha. As obras tiveram início em 2003 e deveriam ter sido concluídas em 2006. O atraso, diz, ocorreu por falta de recursos.

0 comentários:

Postar um comentário

Ver e Rever Copyright © 2011 | Template created by Ver e Rever | Powered by Blogger