segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

E ele diz que não está em campanha

O ano eleitoral de 2010 será marcado por intensa agenda de inaugurações de vitrines do governador de São Paulo, José Serra (PSDB)

Único pré-candidato do PSDB à Presidência neste ano, Serra tem uma ampla lista de obras a serem entregues, especialmente nas áreas que são vitrines da sua administração e dominam as propagandas do governo na TV.

Se confirmarem as expectativas e anunciarem suas candidaturas, Serra e Dilma terão que deixar os respectivos governos até 3 de abril.

Em 2010, a administração Serra promete entregar 21 AMEs (Ambulatórios Médicos de Especialidades). Até hoje, foram entregues 19.

Entre janeiro e março, o governo prevê entregar mais de 5.000 unidades habitacionais da CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Estado), muitas no litoral do Estado, por conta do programa Serra do Mar, de casas para famílias que ocupam área de mata Atlântica.

Além disso, estão previstos encontros para entregar quase 5.000 títulos de propriedade -no programa Cidade Legal.

A habitação é outro tema que já divide os tucanos e a candidata petista, que comanda o projeto habitacional Minha Casa, Minha Vida.

No caso do ensino técnico, estão em fase final de construção para serem entregues cinco Fatecs (Faculdades de Tecnologia). Sempre que possível, Serra repete dados de que 93% dos egressos das Fatecs estão empregados até um ano após a conclusão do curso e que sua administração irá dobrar o número dessas faculdades.

Em março, Serra planeja entregar obras da Nova Marginal Tietê, projeto de R$ 1,3 bilhão, dividido entre o governo e as concessionárias que administram as rodovias Anhanguera/ Bandeirantes e Ayrton Senna.

Também em março, o governo espera entregar o trecho sul do Rodoanel, que integrará ao sistema as rodovias Anchieta e Imigrantes. Aliados do governador prometem uma grande festa nesta inauguração.

O governo paulista também centra fogo nas obras do metrô. A promessa é que no primeiro trimestre estejam prontas as novas estações Faria Lima e Paulista, primeiro trecho da Linha 4-Amarela do Metrô.

O governo promete a inauguração das estações Sacomã, Tamanduateí e Vila Prudente (Linha 2 - Verde); a entrega da estação Tamanduateí da CPTM e a conclusão das obras de modernização e a ampliação de estações da Linha 9 Esmeralda (Osasco-Grajaú) da CPTM.

Outra promessa para 2010 é a entrega de 66 novos trens do metrô e da CPTM. Até 2009 apenas 19 foram entregues.

Vitrine de Serra

21 AMEs (Ambulatórios Médicos de Especialidades)

5 mil unidades habitacionais da CHDU, especialmente no litoral

5 mil títulos de propriedade

5 FATECS (Faculdades de Tecnologia), chegando a 52 unidades

Biblioteca São Paulo

Pacote de transportes

marginais
Obras da Nova Marginal Tietê

rodoanel
Trecho sul

Metrô
Novas estações Linha 4- Amarela e da Linha 2 - Verde 66 Novos trens do metrô e da CPTM

Datafolha 37%

Fonte: Pesquisa Datafolha realizada de 14 a 18 de dez.09; a margem de erro é de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos

"O governo Serra está sendo beneficiado por recursos federais. Ele se apropria da política de expansão do presidente Lula, mas, ainda assim, é incapaz de usar todo o dinheiro destinado a São Paulo. Há verbas paradas na Sabesp [companhia de saneamento] e para a canalização do córrego Pirajussara [na capital]", diz o deputado federal Carlos Zaratini (PT-SP).

0 comentários:

Postar um comentário

Ver e Rever Copyright © 2011 | Template created by Ver e Rever | Powered by Blogger