sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Governo estuda incentivo para competitividade do setor exportador

O governo está olhando “com seriedade” a questão da competitividade do setor exportador, disse quinta-feira o presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, em audiência pública conjunta de diversas comissões do Congresso Nacional. Meirelles destacou a correlação entre o real e as commodities ao citar que o Brasil será um grande exportador a partir da descoberta de petróleo na camada pré-sal.

Meirelles também afirmou que o BC deve anunciar em breve novas medidas sobre spread bancário, em meio ao objetivo de aumentar a transparência nas informações dos bancos e a competição. E que, em 30 dias, devem ser concluídas as recomendações do BC para a regulação do mercado de cartões de crédito, esclarecendo que algumas dessas medidas envolverão autorregulação do sistema.

Mais cedo, em sua apresentação inicial ao Congresso, o presidente do BC disse que o Brasil tem mecanismo automático de saída dos estímulos econômicos, explicando que a normalização do mercado permite que o BC recompre dólares e receba linhas de crédito.

Também reafirmou que o crédito no país já cresce a níveis pré-crise, e destacou que o país nesta fase de saída da crise é um dos líderes em termos de crescimento econômico, atrás apenas de Coreia do Sul e da China, que está na frente desse processo. Nesse contexto, classificou como extraordinária" a geração recorde de empregos formais registrada em agosto pelo Ministério do Trabalho.

– Este dado é da maior importância, mostra onde está de fato o resultado da política econômica para a população – esclareceu.

Meirelles comemorou o fato de a inflação em 12 meses encerrados em agosto estar em 4,36%, abaixo do centro da meta de 4,5% para 2009. E destacou que o juro real (descontada a inflação) está em sua mínima histórica, 4,8%, o que reduz o custo de carregamento da dívida pública.

0 comentários:

Postar um comentário

Ver e Rever Copyright © 2011 | Template created by Ver e Rever | Powered by Blogger