quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Prefeitura de Nova York manda Kaddafi parar de montar tenda

A prefeitura de Nova York ordenou ao líder líbio Muamar Kaddafi que suspenda a instalação de sua tenda na cidade. O mandatário sempre dorme em sua tenda quando viaja, mas a municipalidade considera que a instalação - em jardins de uma propriedade do multimilionário Donald Trump - viola as normas da cidade. Kaddafi está em Nova York para participar da Assembleia Geral das Nações Unidas.

Kaddafi planejava instalar sua tenda de acampamento - utilizada tradicionalmente pelos povos nômades do norte da África - em Nova Jersey, em uma propriedade da embaixada da Líbia. Mas as autoridades negaram a autorização e Kaddafi tentou se instalar no Central Park, o que também não foi permitido.

Trump não esclareceu a cessão do terreno ao líder líbio e assegurou que a propriedade foi alugada para um grupo do Oriente Médio "que pode ter ou não relações com o senhor Kaddafi", mas assegurou que também está investigando a polêmica.

Joel Sachs, um advogado do povoado de Bedford, a 70 quilômetros ao norte de Manhattan, disse ao diário Journal News que a interrupção da montagem da tenda foi ordenada na noite de terça-feira, 22, porque não havia autorização para o estabelecimento de residência temporária no local. Sachs disse que as autoridades encontraram trabalhadores construindo a tenda, mas não puderam se comunicar com eles porque não falavam inglês.

Um funcionário do Departamento de Estado dos EUA, que pediu anonimato, disse que a propriedade foi alugada para o período de duração da Assembleia Geral da ONU e que ninguém dormiria lá.

A polícia proibiu o estacionamento nas ruas próximas à propriedade, que tem vizinhos como Martha Stewart e Ralph Lauren. Helicópteros das redes de televisão mostraram a tenda em construção no local.

0 comentários:

Postar um comentário

Ver e Rever Copyright © 2011 | Template created by Ver e Rever | Powered by Blogger