terça-feira, 8 de dezembro de 2009

Cristovam no panetone do Arruda

Principal acusado no mensalão do DEM, o governador José Roberto Arruda (DF) fez lobby no Senado contra a licitação de mão de obra terceirizada de valor mais baixo para beneficiar empresa da família do deputado distrital Cristiano Araújo (PTB), seu aliado político.

Em agosto deste ano, a Fiança Ltda. venceu a concorrência por R$ 8,3 milhões por ano -o contrato anterior era de R$ 14,7 milhões. A licitação, porém, foi cancelada em outubro, e a própria Fiança foi contratada sem licitação por R$ 5,3 milhões por seis meses.

O primeiro-secretário do Senado, Heráclito Fortes (DEM-PI), confirmou ontem que recebeu um telefonema de Arruda com o pedido para revogar a licitação. A Folha apurou que a Fiança tinha interesse na revogação porque poderia ser inviabilizada financeiramente com o pagamento de indenizações por direitos trabalhistas.
"Sim, ele me ligou, apesar de eu não ter intimidade. Arruda me contou que foi o senador Cristovam Buarque [PDT-DF] quem pediu para que ele intercedesse", disse Heráclito.

0 comentários:

Postar um comentário

Ver e Rever Copyright © 2011 | Template created by Ver e Rever | Powered by Blogger