terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Ministro Paulo Bernardo: governo terá de usar duodécimo em janeiro

O ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, informou hoje que o governo terá de usar o duodécimo (1/12) para pagar as despesas de janeiro. Isto porque, segundo ele, dificilmente o orçamento da União de 2010 será sancionado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva até o dia 31 de dezembro.

Bernardo acredita que a lei orçamentária só deverá ser encaminhada pelo Congresso, ao Executivo, no início de janeiro. "Não acho que vá demorar muito. O orçamento deve chegar ao governo até o dia 10 de janeiro", afirmou Paulo Bernardo, depois de participar de entrevista no programa Bom Dia Ministro, promovido pela Radiobrás. Ele acredita que as divergências entre governo e oposição no Congresso serão resolvidas.

1 comentários:

Airton Leitão disse...

O Orçamento público já foi mais sério. Além de impositivo, também tinha prazo para envio ao Legislativo, e esse também tinha prazo, no exercício anterior, para aprová-lo.
Fui Secretário de Fazendo em meu município (Nilópolis/RJ), de 1983 a 1988, e era assim que tinha que se fazer.
Mudaram toda legislação e acontece isso aí.

Postar um comentário

Ver e Rever Copyright © 2011 | Template created by Ver e Rever | Powered by Blogger