quarta-feira, 6 de maio de 2009

Droga em SP, só o prefeito e governador

Depois de ver seu evento proibido às vésperas da realização, no domingo, pelo segundo ano consecutivo, a organização da Marcha da Maconha de São Paulo vai entrar com novo pedido de habeas corpus, na tentativa de promovê-la no próximo dia 31. O evento foi proibido em outras quatro cidades. Um habeas corpus preventivo só foi aceito no Rio de Janeiro, onde a caminhada deve acontecer no próximo domingo

0 comentários:

Postar um comentário

Ver e Rever Copyright © 2011 | Template created by Ver e Rever | Powered by Blogger