terça-feira, 19 de maio de 2009

Só dá Lula lá


Na capa e no alto da página 2 do "China Daily" de hoje, "Laços fortes com o Brasil vão ficar mais fortes". A reportagem destaca declaração de Zhou Zhiwei, especialista em Brasil da Academia Chinesa de Ciências, "Como os dois maiores países em desenvolvimento, as duas nações têm muito em comum no trato das relações internacionais".No alto da página de Opinião, Lula assina o artigo "China e Brasil: Laços de ternura", com ilustração que mistura passistas ao "ninho de pássaros". O texto ressalta que os emergentes "estão ajudando a escrever um dos mais importantes capítulos da história do século 21", com os "sinais de que uma nova realidade está tomando forma".Artigo de Fu Mengzi, do Instituto Chinês de Relações Internacionais, também no jornal, mas ontem, defendeu que a "Velha ordem deve dar lugar à nova", citando G20 e os emergentes.

No despacho da Reuters, desde Pequim, a "esperança" do Brasil de se associar à China em biocombustíveis. Ao mesmo tempo, a Bloomberg noticiava o salto da Bovespa, com a perspectiva de juros menores e demanda maior por commodities, por parte dos gigantes China e Índia. Saltaram Petrobras, Vale, até Cosan.

PAÍS SÉRIO

E no topo das buscas de Brasil o presidente do fundo Pimco, Mohamed El-Erian, destacou em entrevista que o país tem administrado "extremamente bem" a crise atual. "As pessoas estão começando a levar o Brasil a sério, não só como país isolado, mas pelo impacto na economia global como um todo."

0 comentários:

Postar um comentário

Ver e Rever Copyright © 2011 | Template created by Ver e Rever | Powered by Blogger